10/06/2016

Alunos concluem curso a distância de Técnico em Administração, na cidade de Hamamatsu

_FSC9974

Se viver do outro lado do mundo é um desafio, mais desafiador ainda pode ser estudar e conseguir um certificado de conclusão de curso no Japão. Este é o sentimento do grupo que integra a primeira turma do curso a distância de Técnico em Administração oferecido pelo Senac a brasileiros que moram naquele país. No ano em que comemora sete décadas de atuação, cumprindo seu compromisso de educar para o trabalho, a Instituição realizou sua primeira cerimônia de formatura internacional, no dia 4 de junho, no Hamanako Royal Hotel, na cidade de Hamamatsu.

Desde fevereiro de 2015, o Senac usa a educação a distância para atender a demanda dos que rumaram à Terra do Sol Nascente em busca de oportunidades de trabalho. Responsável por cinquenta escolas no Japão, o grupo Kurazemi procurou o Departamento Regional do Rio Grande do Sul com o objetivo de oferecer cursos técnicos na modalidade EAD por meio da Escola Alegria de Saber, especialmente voltada para a comunidade brasileira.

Grande marco na internacionalização dos cursos técnicos a distância, essa parceria prossegue com novas turmas e a oferta de outros cursos técnicos. Com a oferta do Senac, esses profissionais terão as qualificações necessárias para uma melhor inserção no mercado de trabalho – seja no Brasil ou no Japão.

Com uma parte do conteúdo exclusivamente dedicada à cultura local, o curso oferecido no Japão tem um total de 1.060 horas e conta com o mesmo currículo e a mesma metodologia do que é oferecido no Brasil. O objetivo é desenvolver competências profissionais para o exercício das atividades de apoio na gestão de recursos humanos e financeiros, além de marketing e vendas.

"A experiência vivida ao longo destes últimos 17 meses foi, sem dúvida, um divisor de águas em minha vida", disse Henry Wagner, um dos formandos. "Logo nos primeiros meses, fui convidado por um empresário local a prestar uma consultoria específica. Encarei o desafio e, depois de atingido o objetivo inicial, o trabalho se desdobrou naturalmente. Hoje presto uma consultoria permanente ao estabelecimento. O estímulo recebido durante o curso me deu a certeza de que eu precisava e deveria fazer um curso superior para poder continuar adquirindo conhecimento de forma mais objetiva". Não satisfeito, Henry já iniciou outro desafio: desde janeiro, está fazendo o curso de graduação em Administração, também na modalidade EAD.

Para o diretor regional do Senac no Rio Grande do Sul, José Paulo da Rosa, o sucesso da iniciativa serve como motivação para novos projetos. "Fazer esse movimento quando completamos 70 anos de atuação mostra o quanto estamos à frente, buscando soluções e inovando cada vez mais na forma de ensino. Mostra também a capacidade de inovação e internacionalização de uma instituição que tem no DNA o desejo de melhorar a vida dos brasileiros por meio da educação", afirmou.