31/10/2016

Com algumas itens bem simples, você pode deixar de lado os pequenos obstáculos e focar no que realmente importa: fazer um bom exame.

Treze dicas para fazer e acontecer no Enem

As provas da edição de 2016 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) acontecem neste sábado (5) e domingo (6). São 8,6 milhões de candidatos inscritos para o exame, que é porta de entrada para inúmeros cursos superiores em todo o país. Se você é uma dessas pessoas, veja algumas dicas práticas que podem ajudar a viver essa experiência com tranquilidade e foco no desempenho.

Atualidades – Consuma notícias em jornais, TV, rádio e internet, fale com os amigos e fique por dentro dos assuntos mais comentados sobre o Brasil e o mundo. Geralmente, o tema da redação é relacionado a fatos atuais e exige argumentação. Daí a importância de ter, pelo menos, noções sobre o que anda acontecendo.

Vésperas – Muitos educadores e psicólogos afirmam que não vale a pena estudar nos dias das provas. Isso varia de pessoa para pessoa, mas a tendência é que a dedicação em cima da hora cause mais ansiedade do que resultado efetivo. O ideal é fazer fazer uma boa revisão dos conteúdos na semana anterior ao exame. Na véspera, ouça música, vá ao cinema, veja os amigos e dê boas risadas, se alimente e durma bem. Isso tudo, sem excessos, ajuda a renovar as energias. 

Roupas – Use roupas confortáveis. Pode vestir short, bermuda, saia, vestido, moletom e até chinelos. Apenas óculos escuros e artigos de chapelaria (como boné, chapéu, gorro, entre outros) não são permitidos na hora da prova. O importante é ficar à vontade e focar a atenção na prova.

Comida – Faça refeições leves e saudáveis nas vésperas e nos dias do exame. Você também pode levar comida para as provas. Prefira aquelas mais fáceis de manipular, como barras de cereal, chocolate e biscoitos. Água é fundamental, mas não abuse para não ter de ir ao banheiro muitas vezes.

Documentos – Só pode entrar no local de exame apresentando um documento original com foto, como RG, CNH, passaporte ou certificado de reservista. Se você os perdeu, leve boletim de ocorrência específico para isso e expedido, no máximo, 90 dias antes do exame. Além disso, nenhum desses papéis pode ser cópia: têm de ser originais.

Obrigatório – Além do documento de identidade original com foto, leve caneta esferográfica preta com o corpo transparente e o cartão de confirmação da inscrição impresso a partir do site do Inep. Assim como em 2015, eles não vão enviar o cartão pelo correio, como fizeram até 2014. Cabe a você imprimir.

Inúteis – Não perca tempo levando itens como documentos sem foto ou expirados; celular, smartphonetablet, rádio, pen drive, gravador ou máquina fotográfica; lápis, lapiseiras, caneta não transparente e borracha; livros, blocos, cadernos e impressos. Quem levar essas coisas terá de deixá-las num porta-objetos lacrado pelo fiscal e só poderá retirá-las na saída.

Horário – Os portões dos locais do exame abrem às 12 horas e serão fechados às 13 horas, de acordo com o horário de Brasília. Lembre-se de que as Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste estão no horário de verão. Portanto, a capital federal estará adiantada em uma hora. Para não ter dúvidas, confira a hora oficial do país no Observatório Nacional.

Proibido – Conversar com os demais participantes durante o exame, usar óculos escuros, boné, chapéu, viseira ou gorro. E não pode sair da prova antes de duas horas após o seu início. Importante: não publique nenhuma informação nem imagem sobre as provas nas mídias sociais, pois muitos candidatos foram desclassificados por isso nos anos anteriores. 

Conteúdos – São quatro provas objetivas, cada uma com 45 questões de múltipla escolha, além da redação. No primeiro dia, você tem quatro horas e meia para responder sobre Ciências Humanas e Ciências da Natureza. No segundo dia, é sobre Matemática, Idiomas e a redação. Aí a duração é maior: cinco horas e meia.

Estratégia – Procure responder primeiro às questões que você achar mais fáceis. Isso ajuda a resolver mais rápido uma boa parte da prova e eleva a sua autoconfiança. Assim, deve sobrar mais tempo para as mais difíceis.

Pausas – Ficar quatro ou cinco horas só na cadeira, sem se levantar, é um desafio a mais. Se perceber que o corpo ou a cabeça estão cansados, faça uma pausa rápida. Coma alguma coisa e dê uma alongada. Às vezes, uns minutinhos de relaxamento ajudam a dar uma oxigenada na disposição e na concentração.

Dúvidas – Para imprimir seu cartão de confirmação da inscrição, para saber mais detalhes ou tirar outras dúvidas, visite o site oficial do Enem ou fale com a Central de Atendimento do Ministério da Educação pelo telefone 0800-616161, qualquer dia, inclusive nos fins de semana e feriados, das 8 às 20 horas.

Com o resultado do Enem, você pode ingressar em cursos de graduação EAD do Senac. Confira aqui quais são eles.